quarta-feira, 22 de maio de 2013

OLÁ, BOLA! (Andra Valladares)

Olá Amigos,

Segue abaixo uma poesia que escrevi com o tema BOLA, esse poema tem também finalidade didática pois as rimas foram feitas todas com a mesma terminação (OLA), para ajudar os pequeninos em fase de alfabetização entenderem a formação das palavras. Espero que gostem! 





OLÁ, BOLA!


A BOLA QUICA
MAS NÃO É MOLA.
NÃO EMBOLA,
NEM ENROLA.
BATE NA SOLA
E NÃO COLA.
BOLA, BOLA,
ROLA QUE ROLA...


Andra Valladares

5 comentários:

  1. oi, Andra, essa poesia pode até ser aproveitada como parte da campanha da CBF para formar craques para a seleção canarinho de futebol que disputará a copa umndial de 2028. E vai colar. rs

    ResponderExcluir
  2. Muito bacana e alegre !
    Merece uma melodia, ora bolas !
    Parabéns !
    :~)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Clarisse. Ela já possui melodia sim. :)

      Excluir
  3. apaixonei por este texto!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir